«

»

nov 04

Carta de um Obeso pedindo ajuda para emagrecer

obesidade-depressao Primeiramente  gostaria de  agradecer  ao  Mello Pereira  por  permitir que minha carta  fosse  publicada  no  site. Obrigado pela atenção, carinho e ajuda que vocês
têm me dado.

Meu  nome  é Cauã Ribeiro, gostaria de expressar minha angústia através de seu site, primeiramente para que as pessoas  não  passem  pelo  o  que  eu  estou passando no momento, pois de uns meses para cá, minha situação ficou verdadeiramente deplorável. i284794

Moro na cidade de  Campinas-SP,  tenho  31 anos  de idade, e sofro  com  sobrepeso  desde  os 19 anos. Gostaria que  vocês atualizassem  mais o site,  pois, é o que têm me ajudado muito em minha batalha contra o peso, e de verdade, as mensagens postadas me ajudaram a tomar uma decisão que já deveria ter tomado a muito tempo.

Diante   de   um   problema  familiar,  comecei  a  descontar  na comida  minhas  mágoas, e percebi que aos 20 anos de idade já   estava   com   32   quilos  além  do  normal  de  meu  corpo. Minha  barriga estava muito saliente e flácida, começou a ficar estufada e aumentava o volume dia após dia, e foi nesse instante que o meu pesadelo começou.

 

1° problema causado pelo meu sobre-peso (A MALDITA DOR NAS COSTAS).

A  dor  nas costas era fraca no princípio, era como se fosse “agulhadas” em minha perna, começando pela bunda, até  o  calcanhar.  Não  eram  freqüentes, mas eram fulminantes, várias vezes cheguei a perder a força da perna e cair no chão.

Em  uma dessas “quedas” eu perdi as forças de toda a perna direita, e tomei um verdadeiro tombo nas escadarias da  Faculdade  Anhanguera  de  Valinhos,  diante de todas aquelas pessoas (tive vontade de enfiar minha cabeça na terra),  onde  acabei  virando  motivo de chacota, e alguns maldosos passaram a dirigir-se a mim como saco de banha.

Isso não foi o pior, depois de aproximadamente 8 meses, eu já estava com hérnias na coluna, especificamente na L4 e L3,  o que me impedia de permanecer sentado, não podia caminhar muito tempo, pois a dor aumentava até o ponto  de  novamente perder a força e cair. Nesse estágio eu já sentia dores 24 horas por dia, sendo que diversas vezes, mesmo tomando medicamentos, despertava durante a noite para chorar de dor e tomar mais remédios.

CONCLUSÃO :   MEU   RENDIMENTO   CAIU,  PERDI   O   TRABALHO,   PASSEI  A  FALTAR  ÀS  AULAS  E  NÃO CONSEGUI  ACOMPANHAR  DEPOIS…  MINHA  VIDA  FOI  DESTRUINDO  MEUS  PLANOS  DIANTE DOS MEUS OLHOS, PORQUE EU NÃO QUIS TOMAR UMA ATITUDE.InternetMelhorIdade

 

2° problema causado pelo meu sobre-peso (Os picos de pressão alta)

Já  estava  ficando  comuns  os  ataques  de  taquicardia,  falta  de  ar e outros  sintomas  que  eu  tinha,  tais como cansaço excessivo e queda de   cabelos,   mas   quando   a   pressão   começou  a  oscilar  o  maior sofrimento começou.

Quem já sofreu de pressão alta, sabe que a sensação é desagradável, há  aquele s que  dizem  não  sentir  nada, mas  em  meu caso não era assim.

Sentia   meus   olhos  pressionarem  minha  cabeça,  uma  enxaqueca terrível  era  o  meu  café  da  tarde,  (pois normalmente pela manhã me sentia melhor), meu rosto ficava vermelho, com sensação de ardor, e fortes pontadas no peito.

Sentia  no peito como se algo pontiagudo encravasse em meu pulmão, sentia medo, pois todos nós sabemos que com  a  pressão  não  se  brinca.  As  tonturas ficaram cada dia mais freqüentes, até chegar ao ponto de prejudicar minha visão, passando a partir daí usar óculos.

Chegou  um  momento  que  minha  pressão já não abaixava mais, mesmo tomando 2 comprimidos de Lozartana, Captopril em baixo da língua e repouso.

 

Os problemas emocionais que destruíram minha vida

Minha  namorada  na  época  me  trocou  pelo  primo dela. (UM ABSURDO) além de me abandonar, precisava ser com o próprio primo?

Suas  ultimas  palavras  ecoaram na minha mente muitas vezes, “CADA DIA QUE PASSA VOCÊ ENGORDA MAIS, ESTÁ GORDO IGUAL UMA VACA, E EU SINTO NOJO DE VOCÊ”…

Nunca  fui  tão  humilhado  em  minha  vida,  principalmente quando a humilhação vem por parte de alguém que a gente ama.

Minha  aparência foi ficando cada vez pior, fiquei enorme, ninguém mais me acompanhava em lugar nenhum fora um  amigo  que  eu tive desde minha infância, que me ajudou muito por sempre estar presente nos momentos que eu mais necessitei. (DANIEL “BAIANO”).

As  portas  de  emprego  se  fecharam totalmente, não consegui mais oportunidades e cheguei a pesar 160 quilos. Até o dia que encontrei esse site.

Entrei em um dos planos alimentares, comecei a fazer o que eu deveria ter feito a muitos anos, e não ter permitido deixar minha vida chegar à essa situação. Hoje 43 dias depois já estou com 10 quilos a menos, e minha dor nas costas começou a dar uma trégua.

 

CANSEI  DE  VER  MINHA  VIDA  SE  ACABAR AOS POUCOS PENA QUE DEMOREI EM ENCONTRAR O SITE. O INCENTIVO ME FEZ TOMAR UMA DECISÃO.

SE  VOCÊ  CHEGOU  ATÉ  AQUI,  DEVE ESTAR SEGUINDO PELO MESMO CAMINHO QUE EU, NÃO FAÇA ISSO COM SUA VIDA, TOME UMA DECISÃO E NÃO DESPERDICE O TEMPO PRECIOSO QUE VOCÊ TEM.

Você têm valor, não deixe os problemas de sua vida afogar o que você guarda de melhor.

Está na hora de provar que você pode ser melhor que isso.70-receitas-detox-300x250

okClique Aqui

Gostou? Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>